Professor da UFMA Incentiva a Violência Física Contra Religiosos

Um professor-propagandista militante socialista da Universidade Federal do Maranhão utilizou hoje, dia 20/09/17, sua rede social para de forma pública e aberta a qualquer usuário do Facebook, para promover e incentivar a violência física contra religiosos. Mas este tipo de publicação não é algo incomum, aliás tem história e objetivo certo.

No ano de 2016, durante a organização do evento I Encontro da Juventude Conservadora a UFMA este mesmo professor-propagandista moveu céus e terras contra a realização do evento mas sem êxito algum, ao contrário o I Encontro da Juventude Conservadora foi um sucesso. Então o professor moveu seu punhado de militantes socialistas e de idiotas úteis (como diria Lênin) da UFMA e para contraditar o evento dos conservadores promoveu outro, o da Juventude Porra-Louca.

O resultado da Juventude Porra-Louca foi um jovem morto à facadas dentro da instituição pública de ensino superior. Evento este regado a muita bebida alcoólica e drogas (certamente foi em decorrência disso a morte do jovem) dentro do espaço acadêmico onde deveria-se primar pelo conhecimento, pela busca da excelência do ensino acadêmico. Porém aquele que deveria incentivar esta busca pela excelência do conhecimento, tratou apenas de instigar seus seguidores e militantes.

Agora em 2017, a academia volta a ser utilizada como instrumento do mesmo professor-propagandista socialista às vésperas do II Encontro da Juventude Conservadora da UFMA;  o mesmo modo de operação, porém agora ele está sendo mais explícito e instigando seus militantes a partirem para a agressão física contra os religiosos. Transcrevo ipsis litteris a publicação:

O grande erro dos governos do PT foi justamente terem se acovardado na disputa hegemônica. Lula deveria ter obrigado a imposição diária da internacional comunista em todas as rádios comerciais. Quanto aos fundamentalistas religiosos uma dose permanente de pauladas na cabeça é o melhor antídoto contra imbecis/estúpidos.”

É óbvio que o professor-propagandista militante socialista está a incentivar à violência física à “pauladas” contra os conservadores que realizarão o evento neste próximo dia 22 de setembro, pois sabe ele que, se não todos, a maioria dos conservadores são cristãos. Também sabe ele que o cristão não tem a violência como o primeiro recurso em suas ações, logo, com este tipo de publicação, visa o professor-propagandista militante socialista desmobilizar o II Encontro da Juventude Conservadora da UFMA e aos que se fizerem presentes poderiam estar à mercê da violência física habitual dos socialistas dentro das universidades públicas, especialmente.

Trato agora do âmbito jurídico acerca da publicação do professor-propagandista:

“… uma dose permanente de pauladas na cabeça é o melhor antídoto…” 

1. Incitação a Violência:

Art. 286 – Incitar, publicamente, a prática de crime:

Pena – detenção, de três a seis meses, ou multa.

 

 Para qualquer cristão que sinta-se ofendido em sua fé diretamente pela publicação também é incorre na tipificação penal a conduta pela escrita como Injúria, uma vez que lhes denegri a dignidade ao afirmar que são “…imbecis/estúpidos” por sua fé.

“…imbecis/estúpidos” por sua fé.

Art. 140 – Injuriar alguém, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro:

§ 3o Se a injúria consiste na utilização de elementos referentes a raça, cor, etnia, religião, origem ou a condição de pessoa idosa ou portadora de deficiência:

 Pena – reclusão de um a três anos e multa.

 Os conservadores contam com Deus acima de tudo; é Ele o que nos move e é somente à Ele quem tememos.

Vamos ao II Encontro da Juventude Conservadora da UFMA! Aos nossos irmãos em Cristo, os Carcarás, agradecemos o evento e estaremos, nós conservadores, presentes. Segue abaixo a programação do evento e o link para confirmarem sua presença.

O evento que terá início às 08h00 e se encerrará às 18h30 será aberto ao público. Inscreva-e aqui, vagas limitadas: https://goo.gl/yavoEi

 

II Encontro da Juventude Conservadora da UFMA.

Programação:

08h00 – abertura

9h00 – ADEUS MARX: uma outra universidade é possível – Wellignton Lima Amorim

10h00 – O conceito de barbárie em Mario Ferreira dos Santos – Ricardo de Carvalho

11h00: Monarquia e Estado Contemporâneo: o caso espanhol – Diogo Guagliardo
Neves

12h00 – Pausa para o almoço

13h00: Atração Cultural

14h00: Machado de Assis ou a Invenção de uma Literatura – Adonay Ramos Moreira

15h00: A importância dos símbolos para transmissão da fé cristã

16h00: Pautas irrelevantes e lutas desnecessárias: um bate papo sobre a confusão
esquerdista na atualidade – Linhares Jr.

17h00: Guerra Cultural: história e estratégias, considerações preliminares – Olavo de
Carvalho

18h00: sorteio de livros e encerramento

Um comentário em “Professor da UFMA Incentiva a Violência Física Contra Religiosos

  • 20 de setembro de 2017 em 17:51
    Permalink

    Estarei lá! e que venham os “porra loucas”

    Resposta

Deixe uma resposta